Fim da Netscape em Abril de 2008

A AOL anúnciou o fim da Netscape para o fim de Abril de 2008, e aconselha usuários a utilizarem o Mozilla Firefox como opção de nagedor.
A Netscape teve um papel fundamental para as comunidades de software livre, dela veio o código fonte do navegador Mozilla e posteriormente do Firefox, é óbvio que o Firefox teve uma evolução mais rápida e respeitosa que o Netscape mais todos nós usuários de software livre devemos a esta empresa poderosa que dominou o mercado de navegadores nos anos 90.

Parabéns Netscape, realmente é uma pena.

Posted in Sem categoria

Blue Systems CMS Beta 1.0

O Blue Systems CMS ( BSCMS ), é um sistema de gerenciamento de conteúdo Open Source desenvolvido pela empresa de mesmo nome, é uma opção interessante aos sistemas existentes no mercado.
A solução é uma boa opção para sites institucionais e sites de entretenimento devido as suas funcionalidades de VideoCast, Podcast e sistema de galeria de imagem baseadas em Ajax entre outras.

– Funcionalidades:
– Gerenciamento centralizado através de painel de controle interativo;
– Suporte a conteúdo com categorias;
– Suporte aos editores wyswyg FCKEditor e MCE; Continue reading

Posted in Sem categoria

Mac OSX86 10.4.11

A versão do Mac OS X86 10.4.11, é sem dúvida nenhuma perfeita para rodar em desktops não Apple, rescentemente eu havia feito um teste com sucesso com o Leopard 10.5, porém mesmo com device com chipset Intel tive alguns problemas de compatibilidade com o driver de video Intel GM950, com isso busquei soluções na versão anterior do sistema o 10.4.
Baixei o torrent através do site mininova.org XxX_OS_x86_1.4.11_Intel e depois foi só instalar.

Dica:
A dica para para aqueles que possuem uma placa mãe ASUS P5VGZ-MX com chipset Intel
01) Nesta placa mãe o driver de video é o GM950 da Intel, porém não instale ele ou mesmo os outros drivers de sua placa mãe logo na instalação, instale apenas com os pacotes pré-selecionados e depois de instalado sim, instale os outros pacotes.

02) Lista de drivers compativeis com a placa mãe ASUS P5VGZ-MX que encontram-se no DVD:
Após instalado o sistema operacional entre no Volume do DVD do OSX86 montando em seu desktop, depois entre na pasta
/System/installation/Packages/ neste diretório encontram-se todos os drivers e aplicativos compativeis com seu SO.

03) Instalando drivers
Instale os drivers necessário conforme a listagem abaixo:
Video: Jax.10.4.8.GMA.950.Support.pkg
Som: azalia.audio
Network: PCGenRTL8139Ethernet.pkg
feito isso reinicie seu computador para que o sistema carregue todos os drivers e Voialá…

Posted in Sem categoria

TCPtrack – ferramenta para monitoramento de rede


Sniffer TCPTrack

O tcptrack é um sniffer que pode monitorar qualquer tipo de conexão TCP que estejam acontecendo em sua máquina, abaixo estou demonstrando como utilizar a ferramenta para monitorar conexões de suas interfaces de rede:

Plataforma utilizada para o teste:
Debian Gnu/Linux 4.0 ( Etch ) – Kernel 2.6.22

Hardware:
Pentium III 500 Mhz
128 MB RAM
HD 10 GB

Primeiramente vamos instalar o pacote do tcptrack, para usuários do Debian ou Ubuntu a tarefa é muito simples utilizando o APT.

#apt-get install tcptrack

depois de instalado é muito simples utilizar, as flags de comando do software são:

-d: Monitora apenas conexões que foram iniciadas depois do tcptrack ter iniciado;
-f: Controla a velocidade de atualização dos relatórios do tcptrack;
-i: Especifica qual a interface de rede será iniciada para o monitoramento;
-p: Não inicia o sniffer com interfaces em promiscuo mode;
p: Pausa o sniffer
q: fecha o programa
s: habilita e desabilita o ordenação

Exemplos de utilização:

– Sniffando todas as conexões TCP vindas da interface eth0

# tcptrack -i eth0


– Sniffar conexões vindas do eth0 com destino a 10.45.165.2

# tcptrack -i eth0 src or dst 10.45.165.2

– Sniffar todas conexões com destino a 22 porta padrão OpenSSH

# tcptrack -i eth0 port 22

É isso ai está ai nossa dica para quem precisa monitar conexões TCP até…

Posted in Sem categoria

Sistema Operacional web

Muito se escuta por ai que em um Futuro próximo a idéia de sistema operacional online virará uma realidade muitos projetos já se anteciparam e divulgam ao público suas idéia inovadoras como exemplo o g.ho.st veja se não é incrivél:

 http://g.ho.st/

Posted in Sem categoria

Exemplo de proftpd.conf

# ProFTPd configuration file

# Daemon configuration
ServerName              "FTP Server"
ServerType              standalone
DisplayConnect          /etc/issue.net
AllowOverride           off
AllowOverwrite          off
AllowForeignAddress     off
DeleteAbortedStores     on
DefaultServer           on
DeferWelcome            on
ServerIdent             off
UseReverseDNS           on
IdentLookups            off
TimesGMT                off
UseGlobbing             on
MultilineRFC2228        on
ShowSymlinks            off
RootLogin               off
RequireValidShell       no
DenyFilter              *.*/
ListOptions             +R strict

# Lockdown connections and connection attemps
MaxClients              3 "The maximum number of allowed users (%m) are already connected."
MaxInstances            3
MaxClientsPerUser       3 "The maximum number of clients (%m) for this user already connected."
MaxHostsPerUser         3 "The maximum number of hosts (%m) for this user already connected."
MaxClientsPerHost       1 "The maximum number of clients (%m) from your host are already connected."
MaxLoginAttempts        1

# Lockdown TCP stack
Port                    21
PassivePorts            63570 63750
SocketOptions rcvbuf    8192
SocketOptions sndbuf    8192
CommandBufferSize       512
tcpBackLog              5
tcpNoDelay              on
TransferRate            APPE,STOR 12000
TransferRate            RETR 12000

# Log format and location
LogFormat               default "%t %h %a %s %m %f %b %T \"%r"\"
ExtendedLog             /var/log/proftpd ALL default
SystemLog               /var/log/proftpd ALL default
TransferLog             /var/log/proftpd ALL default

# Limit login times and timeouts to drop dead clients.
TimeoutLogin            60
TimeoutIdle             60
TimeoutNoTransfer       60
TimeoutStalled          60
TimeoutSession          28800

# Setup fake properties
DirFakeGroup            on      ftp
DirFakeUser             on      ftp
DirFakeMode             0400

# User Access Control

Deny        All


# Anonymous configuration


User         ftp
Group        nogroup
UserAlias    anonymous ftp
HideNoAccess on

Allow   All


Deny    All



Allow   ALL


Umask   022  022

Allow   All
Posted in Sem categoria

Incidentes digitais como denunciar em São Paulo

Para aqueles que estão passando por problemas relacionados a crimes digitais como Phishing, Defacement, Hacking podem entrar em contato com os orgãos competentes:

Como denunciar crimes digitais

  • webpol@policia-civ.sp.gov.br – Policia paulista especializada em crimes digitais.
  • mail-abuse@cert.br – Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil (CERT) – Para encaminhamento de denúncias de mensagens fraudulentas (deve ser enviada uma cópia do e-mail original e também comunicar a instituição que está sendo utilizada no golpe). O site AntiSpam ensina como proceder uma denúncia.
  • phishing@cais.rnp.br – Centro de Atendimento a Incidentes de Segurança (CAIS) da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) – Para encaminhamento de denúncias mensagens fraudulentas (deve ser enviada uma cópia do e-mail original e também comunicar a instituição que está sendo utilizada no golpe).
  • artefatos@cais.rnp.br – Centro de Atendimento a Incidentes de Segurança (CAIS) da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) – Para encaminhamento de denúncias de aplicativos suspeitos (cavalos-de-tróia e outros programas maléficos usados nos golpes online).
  • crime.internet@dpf.gov.br – Mensagens que se refiram aos crimes de internet devem ser reportadas ao novo canal centralizador dessas denúncias na Divisão de Comunicação Social da Polícia Federal
  • reclameaqui.net – Site para quem costuma fazer comprar ou usar serviços pela internet, bom para tirar dúvidas, fazer reclamações ou pesquisar empresas fraudulentas.
  • ic3.gov– Internet crime Complaint Center – Site para denunciar crimes digitais internacionais.
  • denunciar.org.br – Safernet Brasil – é uma organização não governamental que reúne especialistas para combater crimes digitais. O que denunciar? Pornografia Infantil, Racismo, Xenofobia e Intolerância religiosa, Neonazismo, Apologia e Incitação a crimes contra a Vida, Homofobia, Apologia e Incitação a práticas cruéis contra animais, entre outros.
  • Hot Line – Denúncias para casos de pedofilia.

Delegacias para crimes digitais:

DIG-DEIC – 4ª Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática de São Paulo (SP)
Delegacia especializada em crimes eletrônicos. Presta atendimento presencial, por telefone e via Web.
Endereço: Av. Zack Narchi, 152, Carandiru – São Paulo (SP)
Fone: (11) 6221 – 7011 ou 6221 – 7030
e-mail: 4dp.dig.deic@policiacivil.sp.gov.brTodos os créditos deste artigo devem-se ao post do fórum: http://www.verdinhas.com/index.php?showtopic=572&mode=threaded

Posted in Sem categoria

Habilitando Plugins do Compiz Fusion no Ubuntu 7.04

Abaixo estarei demonstrando como configurar outros plugins do Compiz Fusion no Ubuntu 7.04 de forma simples

1º) Habilite o Desktop 3D ( Compiz ) no painel System/Desktop Effects de seu Ubuntu;
2º) Abra o terminal e adicione o mirror de Apt abaixo em seu arquivo /etc/apt/sources.list
deb http://download.tuxfamily.org/3v1deb feisty eyecandy

3º) Atualize o banco de dados de pacotes do Apt com o comando
apt-get update

Continue reading

Posted in Sem categoria