Instalar PHP 7 no macOS Sierra

Dica Pa-pum, a melhor forma de atualizar a versão do PHP no seu Mac é rodando o script abaixo:

curl -s http://php-osx.liip.ch/install.sh | bash -s 7.0

* Simples não ? bom depois de rodar este comando você precisa reinicar o Apache do macOS, apachetctl restart


HTML5 Data Attributes

Artigo em inglês

Back in the days of HTML4/XHTML, the usage of the rel and the class attributes on the DOM were quite extensive for DOM selection and arbitary data storage on the browser.

For example, If an list item needs to indicate the user who had 7 notification messages, we sometimes used the class attributes to store the data for the user as mentioned below. This is how some practiced and others had different other ways.

<li class="item user_john message_notify_7"></li>

With the invent of HTML 5, the HTML and Javascript programming has become so flexible, easy and developer friendly and thanks to it, we can not store artibitary data using the data attributes that it provides.

Data Attributes

Continue reading

FrameWork CSS AlloyUI

Este é mais um framework CSS que se não ouviu falar provavélmente ainda ouvirá. Ele possui diversos recursos nativos e pode ser uma ótima alternativa para desenvolvimento de interfaces
Alguns dos cases de sucesso que podemos citar são:

Cisco, Liferay entre diversas outras grandes empresas.

http://alloyui.com/

Diferenças entre MySQLi e PDO MySQL

Desde que o PHP 7 foi lançado e o suporte para o PHP 5 foi encerrado, muitas empresas de hospedagem tiraram o PHP 5 de seus servidores, e desenvolvedores PHP foram forçados a migrar seu código para funcionar com PHP 7.

Uma das mudanças do PHP 7 foi a descontinuação da extensão original do MySQL. Os desenvolvedores tiveram que optar por migrar seu código para usar o MySQLi ou e a extensão PDO.

Leia este artigo para saber sobre as diferenças e decidir qual é o melhor para você migrar seu código para trabalhar no PHP 7 ou posterior, bem como aprender sobre alguns pacotes recomendados que usam PDO ou MySQLi para executar propósitos comuns de banco de dados, como backup, segurança, registro de usuário e login, abstração de banco de dados, ORM (Object-Relational Mapping) etc.
Continue reading

BlockChain Diagrama de funcionamento

No diagrama de funcionamento do BlockChain abaixo você pode conferir alguns princípios básicos de funcionamento do Blockchain.
Se você trabalha com investimentos ou é um diretor financeiro de IT de algum banco faz sentido começar a pensar nisto já!

Screen Shot 2017-02-06 at 10.43.48 AM

Adeus MacPorts e seja bem vindo Homebrew

O MacPorts foi por muitos anos uma das ferramentas shell mais utilizadas para instalar apps que rodam no shell para plataformas OSX. Agora podemos contar com a ajuda do Homebrew ou conhecido como Brew.

A grande vantagem entre um e outro é a manutenção e quantidade de atualizações disponíveis. No brew as atualizações de mirrors são mais constantes e a quantidade de apps portados também é maior. Para instalar é simples basta executar a linha de comando abaixo:

/usr/bin/ruby -e "$(curl -fsSL https://raw.githubusercontent.com/Homebrew/install/master/install)"

 

Os poderes do comando FIND

Um dos comandas mais usados no Linux com certeza é o FIND. Além de ser utilizado na linha de comando para encontrar arquivos ele serve de base para muitos scripts shell.

Irei mostrar abaixo alguns exemplos interessantes de como usar o FIND

Procurar entro do diretório home por aquivos com extensão .txt e modificados nos últimos 5 dias

find /home/* -iname "*.txt" -mtime 5 -print

Encontrar todos os arquivos modificados em menos de 24 horas

find /home/* -iname “*.txt” -mtime -24 -print

Encontrar os arquivos modificados nos últimos 60 minutos

find /home/* -iname “*.txt” -cmin -60 -print

Você pode adicionar a flag -perm para encontrar arquivos com bits de permissões específicas como 777, 644 etc

find /* -perm 777 -exec ls -l {} \;

 

Alterando a porta padrão do Postfix de 25 para 587

Se você chegou até este post eu poderia até adivinhar que você precisa alterar a porta padrão do Postfix que veio configurado no seu Plesk ou WHM correto ? Bom mesmo que não tenha sido o simples fato de alguns gerenciadores de hosting ainda utilizarem a porta de comunicação tcp/25 para o envio de mensagens ainda é uma prática comum. O grande problema é que principalmente aqui no Brasil a porta 25 foi inutilizada pelo grande número de SPAMs que trafegavam por esta porta nos servidores de e-mail.

Bom deixa de papo e vamos logo ao trabalho, primeiramente você precisa encontrar o arquivo master.cf ele geralmente está localizado no diretório:

/etc/postfix/master.cf

Neste arquivo você deve procurar as seguintes linhas:

smtp      inet  n       – – – 10 smtpd
#submission inet n       –       –       –       –       smtpd

A primeira linha vem descomentada e isto automáticamente especifica que o serviço irá rodar na porta 25. Na segunda linha que geralmente vem comentada habilita a comunicação do SMTP pela porta 587. Sendo assim a ordem correta das linhas devem ficar assim

#smtp      inet  n       – – – 10 smtpd
submission inet n       –       –       –       –       smtpd

Ou seja o inverso do que vem instalada por padrão.

Depois é só reiniciar o serviço do Postfix e Voialá

 

 

Erro de autênticação no Gmail usando PHPMailer

Se você usa o phpMailer eu tenho certeza que já deve ter passado por um problema desses. De tempos em tempos e dependendo da demanda de e-mails que você mandar usando o SMTP deles é bem possível que o Gmail bloqueie sua conta temporáriamente para envio.

O erro mais comum é o Gmail SMTP debug: error “please log in via your web browser

Este erro está relacionado ao problema de autênticação da conta e pode estar relacionado a alguns problemas que posso citar para que você verifique por ai para resolver seu problema:

  1. Display Unlock Captcha
    É possível que este recurso de desbloqueio via Captcha esteja ativado. Caso você esteja utilizando o PHPMailer desative este recurso na URL
    http://www.google.com/accounts/DisplayUnlockCaptcha
  2. Allowing less security
    Se você estiver com o módulo de baixa segurança desabilitado também pode ser um problema. O Google possui um algoritmo que verifica qual o tipo de cliente de e-mail está enviando a mensagem além de diversas outras validações. Como o PHPMailer é um script PHP que possibilita o envio via SMTP é bem possível que você tenha que ativar esta opção para que o envio dos e-mails via Gmail funcione. Verifique o link abaixo para ativar
    https://support.google.com/accounts/answer/6010255
  3. A última dica que deixo é verificar se as configurações do PHPMailer está correta. Você pode trazer informações mais detalhadas a respeito da conexão com o servidor SMTP do Google utilizando o parametro. Sete a variavél SMTPDebug para 1.

Screen Shot 2017-02-08 at 9.14.49 PM