Avan?o do Linux pode afetar resultados em 2005, diz Microsoft da Folha Online

  • Post author:
  • Post category:Sem categoria

A Microsoft entregou um relat?rio ? SEC (Securities and Exchange Commission, a Comiss?o de Valores Mobili?rios dos EUA) alertando que o ano de 2005 pode ser mais dif?cil, por causa da concorr?ncia com o Linux, sistema operacional de c?digo aberto.

“Para o ano fiscal de 2005, acreditamos que fatores como crescimento na venda de PCs e o sucesso de software n?o-comercial pode afetar os resultados de nossas opera??es e condi??o financeira de forma significativa”, diz o documento entregue ? SEC.

“As vendas de PCs foram muito fortes no ano fiscal de 2004, crescendo 13% em rela??o ao ano fiscal de 2003. N?o esperamos crescimento similar no pr?ximo ano fiscal.”

Mas a queda nas vendas de novos micros n?o ? o ?nico problema da Microsoft –a companhia teme que o Linux tome espa?o no mercado, principalmente no segmento corporativo.

Evolu??o

“Continuamos a observar a evolu??o do software de c?digo aberto. Acreditamos que a participa??o da Microsoft no mercado de servidores cresceu modestamente no ano fiscal de 2004, enquanto as distribui??es de Linux aumentaram um pouco mais r?pido”, diz o relat?rio.

“O aumento das distribui??es de Linux reflete alguns importantes an?ncios de apoio e ado??o ao software aberto, tanto nos mercados de servidores e de esta??es de trabalho.”

O apoio mencionado pela companhia de Bill Gates vem de empresas como Dell, HP e IBM, que est?o anunciando novos servidores e micros que j? v?m com o sistema operacional de c?digo aberto –que pode ser copiado e modificado livremente.

“? medida que programas de c?digo aberto ganham aceita??o no mercado, as vendas de nossos produtos podem cair, o que resultaria numa redu??o de nosso faturamento e margens operacionais de lucro”, diz a empresa, segundo o site “CNET News.com” (news.com.com).

O relat?rio tamb?m aponta as ?reas onde a Microsoft v? potencial de crescimento. Em seu pr?ximo ano fiscal, a companhia deve investir em mecanismos de busca na internet, tecnologia para usu?rios finais –como TV digital, games e v?deo) e em servi?os para pequenas e m?dias empresas.